Impasse

1 Comments
Senti que preciso de algo de você, mas não sei como enfrentar tudo isso.
Quando todas as coisas se forem eu só terei você para lembrar. Então não me faça o amar mais ainda.
Eu digo a mim mesma que não posso continuar mas meu coração salta quando vê você. Eu tento, mas tudo têm mais poder.
Liberte-me dessa adorável dor de amar e diga que tudo vai amenizar. Eu  preciso muito parar esse sentimento; não pode crescer.
Eu continuo finigindo que não amo; preciso disfarçar. Peço-lhe que não me faça o amar mais ainda. Por favor, me ensine a desapaixonar.
No fim eu gostaria de quebrar as regras e esqueçer que não posso amá-lo. Mas não quero tragédias! Porque sabemos que tudo daria errado para nós dois.
Então me deixe esquecê-lo. Me dê a paz! Estou sufocando com esse amor. Ele tomou conta do meu ser.
Não me faça o amar mais ainda!


You may also like

Um comentário:

  1. É o típico delírio de amor, cuja própria violência o aniquila, arrastando a vontade para ações desvairadas, mais que qualquer outra paixão humana.
    Hamlet, William Shakespeare.

    ResponderExcluir