Maldito Seja O Amor

3 Comments
 
   Antes que a última gota de sangue caia por terra, e o homem que luta para honrar seu nome esmoreça, tu, homem de pouca fé e coragem, toma para ti o coração da donzela magoada, e faz teu nome puro para o legado de teus descentes, talvez ainda haja tempo de venceres nesta guerra.
   O suor e o sangue que escorrem pela ferida do corpo dos guerreiros, choram a dor da carne que braveja por misericórdia mas que não desiste até que o coração de todos os homens parem de bater; deverias tu, ir à luta por uma causa nobre.

   Porém, tu és o traidor que sujou a memória daqueles que em ti confiavam, tu és o ímpio com o coração negro de um orgulho maldito que te corrói a humanidade. Enquanto uns lutam pela glória e pela paz, em busca de repouso no regaço do amor e calmaria, tu feristes o coração daquela que estava disposta a luta junto de ti, fostes o braço a cravar a espada num peito frágil e apaixonado.
   Agora contemple o inferno, esmoreça e apodreça na solidão que te abraçará, outros virão com feitos maiores e virarão lenda, entrarão para a história porque deles é a imortalidade dos deuses- porque suas almas são justas e sua bravura não corrompeu os seus corações nos campos de batalha-. Enquanto que sua existência pode ser enterrada, pois o mundo não precisa de mais covardes.


You may also like

3 comentários:

  1. Amor, tenho de dizer....lindo, simplesmente. Adorei o texto, adorei a agressividade contida aqui. Como escreve bem, como emprega as palavras tão perfeitamente no contexto. Tenho orgulho de você. Te amo, sempre. ♥

    ResponderExcluir
  2. Muito bom, devia continuar com postagens ^^

    ResponderExcluir